Tipos de Rosh (Tipos de Fornilho)

O narguile é uma tradição oriental cada vez mais difundida no Brasil. Poucas coisas são tão relaxantes e sociáveis como reunir os amigos e ficar curtindo seu narguile.

Um dos pontos mais importante na qualidade da sua sessão de narguile é a preparação do rosh, ou fornilho, como é chamado no Brasil, por isso é importante saber os tipos de rosh e suas peculiaridades e características:

Os principais Roshs encontrados hoje em dia são:

Rosh Tradicional

Rosh Tradicional

Tradicional
Este é o Rosh que normalmente acompanha a maioria dos narguiles chineses encontrados no mercado. Eles possuem os furos na parte de baixo do fornilho e até que funcionam bem para a maiorias dos fumos, o problema destes fornilhos acontece quando utilizados com essências muito úmidas ou com as essências em pedra, pois o melaço escorre pela haste do narguile deixando a essência seca e sem gosto, além de deixar o narguile todo sujo.

fornilho_bali_hai_verde

Rosh Vortex

Vortex
O Vortex é o rosh mais fácil de se preparar e o que melhor funciona com quase todos os tipos de fumos. Ele tem um pino elevado no meio e é todo fechado em baixo, os furos para a entrada de ar ficam nas laterais do pino central. São 4 furos próximos ao topo.

Neste fornilho, o melaço não escorre, deixando o fumo sempre úmido, maximizando a duração e o sabor da sessão. Além disso, o papel alumínio dificilmente desce e encosta no fumo pois o pino central é elevado, mantendo o alumínio afastado e segurando melhor o peso dos carvões. O fluxo é um pouco menor em comparação ao Phunnel, mas é um excelente rosh. A melhor forma de prepará-lo é deixar um espaço entro o pino central e o fumo, para não trancar o fluxo. Esse Rosh é muito bom com fumos úmidos e também com as essências em pedra tipo Shiazo ou Ishtar.

rosh-phunnel-verde

Rosh Phunnel

Phunnel
O Rosh Phunnel foi inventado por Eric Hoffman, que criou esse fornilho para maximizar o sabor da marca de fumo que ele mesmo “inventou”, chamado, Tangiers. O Phunnel é um pouco mais complicado de se preparar, pois há de se preocupar bastante com o pino central, que é aberto em cima. Se não se estica bem o aluminio, ele tampa o furo e quase não há fluxo de ar. Sem o fluxo de ar, não há como fumar. Este Rosh também mantém bem o melaço do fumo, não deixando-o escorrer, o que ajuda a conservar o sabor da fumada. Esse rosh é considerado um dos melhores, pois o fluxo fica muito leve e abundante (se bem preparado).

Alien-Phunnel-Bowl-Black-Walnut-L

Rosh Alien Phunnel

Alien Phunnel
O Rosh Alien Phunnel é um Phunnel mais raso, feito específicamente para fumos mais resistentes ao calor. Como sua superfície é maior, a área em contato com carvão também é maior, esquentando mais o fumo. Este Rosh é recomendado para maximização de sabor para fumos que aguentam bem o calor, como o Tangiers, Nakhla e Fantasia. Este rosh não é recomendado para fumos mais sensíveis como o Al Fahker, Afzal, Starbuzz, Social Smoke, etc, pois você irá queimar e desperdiçar seu fumo.

p_hookah_flip-01

Hookah Flip

Hookah Flip
Esté é um rosh feito de metal, desenhado para aumentar a duração da sessão e aproveitamento total do fumo. Nele acontece o inverso dos roshs normais, o fumo fica em cima e o carvão embaixo. Com essa colocação, o carvão fica mais longe do fumo, assando o fumo com o menor contato possível e o carvão fica abrigado do ar, assim, o carvão dura muito mais. Com 3 carvões de coco, você pode conseguir uma sessão de mais de uma hora e meia. Esse fornilho é excelente para fumar com vários amigos, mas infelizmente é difícil de ser encontrado no Brasil. O ponto negativo deste fornilho é que é mais difícil mexer no carvão, que pode ficar apagando e tem que se perder alguns minutos regulando a queima.

flying_soucer

Rosh Flying Saucer (Disco Voador)

Flying Saucer
Este Rosh é uma mistura de Vortex e Phunnel, com a diferença que o pino central é mais alto que a da borda do Rosh. Com isso, o papel alumíno fica elevado no centro, não deixando o carvão entrar em contato com o fumo, consequentemente gerando calor sem deixar queimar o fumo.

O Flying Saucer é ótimo, pois “assa” o fumo lentamente. É recomendado para fumos que nao aguentam muito o calor, como Al Fakher, HookaFina, Social Smoke, Starbuzz, etc.
Nunca utilize o Flying Saucer para preparar Tangiers, como é um fumo que necessita de calor, não irá acender direito.

Espero que tenham gostado, confiram nossa linha de Roshs para Narguiles na loja virtual: www.madrugashop.com

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s